Duas chaves para um fastpacking bem-sucedido

Caminhadas e mochilas devem ser uma grande aventura, não um trabalho árduo. Mas se você está se esforçando para descer a trilha encurvada sob uma mochila pesada, tudo o que consegue pensar é em colocar um pé na frente do outro.

Não tem que ser assim. Com um pouco de know-how, você pode carregar o que precisa e reduzir o peso da sua mochila pela metade, se não mais. E você pode fazer isso sem desbaste ou comprometer a segurança.

Na verdade, feito da maneira certa, 'fastpacking' tornará seus passeios mais divertidos, e é disso que se trata. Fastpacking não é apenas sobre o que você carrega; é também sobre as roupas que você veste e as botas nos pés.

Resumindo, o fastpacking requer que você olhe para todos os seus equipamentos e se pergunte: “Eu realmente preciso disso?” e “Existe uma alternativa mais leve?”

Aqui estão duas chaves para um fastpacking bem-sucedido:

1. CARREGUE MENOS

Viaje mais leve carregando menos:O que você pode deixar em casa vai te surpreender.

•Tenda:Uma tenda é necessária para sobreviver às encostas frias e nevadas do Monte Everest, mas muito provavelmente você encontrará condições mais agradáveis. Como uma barraca é o equipamento mais pesado que você vai embalar, você pode economizar mais peso deixando-o em casa.

Uma boa alternativa é uma lona. Uma lona pesa meio quilo ou menos e você pode amarrá-la nos galhos de uma árvore ou simplesmente sustentá-la com galhos fortes que encontrar no chão.

•Kit de cozinha:Uma panela, frigideira, tigela, caneca e talheres são civilizados, mas você não precisa de tudo isso. Prepare jantares que requerem apenas fervura, como macarrão seco e sopas desidratadas, e tudo o que você precisa é de uma panela de um litro para dividir com seu amigo, uma caneca para comer e beber e uma colher.

• Forno:Devido a regulamentações que podem proibir fogueiras, às vezes você precisa carregar um fogão. Mas, quando você tem a opção de cozinhar no fogo, pode deixar o fogão em casa. Para cozinhar no fogo, deixe as chamas morrerem, aninhe sua panela entre as brasas e você terá comida quente rapidamente.

• Filtro de água:A água de riachos, rios e lagoas está repleta de parasitas e bactérias que podem deixá-lo doente, mas você não precisa carregar um filtro de água pesado para limpar sua água. Em vez disso, trate sua água com tabletes de purificação de água mais leves.

2. TRANSPORTE EQUIPAMENTO MAIS LEVE

Viaje mais leve carregando equipamento mais leve:Os fabricantes de equipamentos competem com a NASA em sua busca por equipamentos melhores e mais leves.

• Lanterna de cabeça:A tecnologia LED é mais leve e permite uma queima mais longa do que as lâmpadas convencionais. Use um farol de LED e você também pode economizar algum peso.

• Botas:Combine seu calçado com as condições que você encontrará. Se você for caminhar por campos de neve, precisará de botas à prova d'água até o tornozelo, mas se for caminhar em trilhas quase secas e regulares, provavelmente será possível usar um par de tênis para corrida em trilhas muito mais resistentes.

• Saco de dormir:Os sacos de dormir com isolamento de penas de ganso, estilo múmia, podem pesar a metade de seus equivalentes de enchimento sintético. A penugem não isola quando fica molhada, mas se você estiver dormindo em uma barraca ou sob o abrigo de uma lona, ​​é improvável que sua bolsa fique molhada. Se, no entanto, houver esse risco, leve uma sacola sintética só por segurança.

• Almofada para dormir:Uma almofada de espuma de comprimento total é puro luxo, mas uma almofada de meio ou três quartos de comprimento pode economizar algum peso. Para acolchoar e isolar as pernas do solo frio, basta colocar roupas extras ou sua mochila sob as pernas.